quinta-feira, 15 de outubro de 2009

Há sempre alguém que se cala.


"Jornalista - Tu revoltas-te porque não te sentes bem, revoltas-te porque tens tédio. Há sempre alguém que se cala, e não queres ser tu, alguém que verga as costas para alguns se encavalitarem e não queres ser tu a vergar as costas; há sempre alguém estúpido e bronco que continuará estúpido e bronco a alimentar a vaidade dos que se dizem libertadores como tu..."


Pentateuco, Carlos J. Pessoa

Nenhum comentário: