quarta-feira, 14 de outubro de 2009

Kings of convenience



"Como se fosse algo que lhe limitasse os movimentos?
Exacto. Quando muitas vezes é ao contrário.Podemos depender de uma série de coisas - de pessoas, por exemplo - e isso ser estruturador. No sentido em que sabemos que elas estão lá sempre, aconteça o que acontecer. É essa consciência que nos pode permitir, precisamente, ter espaço para sermos mais livres."

Em entrevista ao Ipsílon.

Um comentário:

pinguim disse...

Chama-se a isto, saber dar a volta ao texto...
Interessantíssimo.