sexta-feira, 5 de setembro de 2008

Neverland

E um dia pensou: - "Todos temos direito à nossa terra do nunca..."

Nenhum comentário: