terça-feira, 23 de dezembro de 2008

Feliz natal Merry Christmas Feliz Navidad



Alemão - Frohe Weihnachten

Árabe - Mboni Chrismen

Bielo-russo - Winshuyu sa Svyatkami

Búlgaro - Vessela Koleda

Castelhano - Feliz Navidad

Checo - Vesele Vanoce

Chinês - Sheng Tan Kuai Loh

Chinês (Taiwan) - Kung His Hsin Nien bing Chu Shen Tan

Cingalês (Sri-Lanka) - Subha nath thalak Vewa, Nathar Puthu Varuda

Coreano - Sung Tan Chuk Ha ou Sungtan Chukha

Dinamarquês - Glaedelig Jul

Eslovaco - Vesele Vianoce

Esloveno - Srecen Bozic

Filipino - Maligayang Pasko

Finlandês - Hauskaa Joulua

Francês - Joyeux Noël

Gaélico (Irlanda) - Nollaig Shona dhuit

Georgiano - Gilotsavt Krist'es Shobas

Grego - Eftihismena Christougenna

Groenlandês - Glædelig Jul, Juullimi Ukiortaassamilu Pilluarit

Húngaro - Boldog Karácsonyt

Hebreu (Israel) - Mo'adim Lesimkha

Hindu (Índia) - Shub Christu Jayanti

Islandês - Gleðileg Jól

Italiano - Buon Natale

Japonês - Merii Kurisumasu (é Merry Christmas, à japonesa)

Letão - Priecigus ziemassvetkus ou Laimigu Jauno gadu

Lituano - Laimingu Kaledu

Macedónio - Streken Bozhik

Moldavo - Craciun fericit si un An Nou fericit

Neerlandês - Zalig Kerstfeest ou Prettige Kerstdagen

Nepalês - Krist Yesu Ko Shuva Janma Utsav Ko Upalaxhma Hardik Valthukkal Shuva

Norueguês - Gledelig Jul

Polaco - Boze Narodzenie

Português - Feliz Natal

Romeno - Sarbatori vesele

Russo - Hristos Razdajetsja ou Rozdjestvom Hristovim

Samoês - Manuia Le Kirisimasi

Servo-croata - Sretan Bozic

Sueco - God Jul

Tailandês - Ewadee Pe-e Mai

Turco - Yeni yiliniz kutlu olsun

Ucraniano - Veseloho Vam Rizdva

Ugandês - Webale Krismasi

Vietnamita - Chuc mung Giang Sinh

ELIZABETH







Não resisti a rever!!!!!!!!

terça-feira, 9 de dezembro de 2008

Body Press




Two film makers stand (within a sorrounding and completely mirrorized cylinder), body trunk stationary, hands holding and pressing a camera´s back end flush to, while slowly rotating it about the surface cylinder of theirs individual bodies.
Dan Graham

LAUTREC



"A feiúra, onde quer que esteja, tem sempre um lado belo; é fascinante descobrir beleza onde ninguém a consegue ver".

Moby-It's Raining Again

quinta-feira, 4 de dezembro de 2008

Leituras


Mr Vertigo by Paul Auster

Ah! Um soneto

Meu coração é um almirante louco
que abandonou a profissão do mar
e que a vai relembrando pouco a pouco
em casa a passear, a passear...
No movimento (eu mesmo me descloco
nesta cadeira só de o imaginar)
o mar abandonado fica em foco
nos músculos cansados de parar.
Há saudades nas pernas e nos braços.
Há saudades no cérebro por fora.
Há grandes raivas feitas de cansaços.
Mas - esta é boa! - era do coração
que eu falava... e onde diabo estou eu agora
com almirante em vez de sensação?...
Fernando Pessoa

Não sei

Haverá sempre algo para dizer! Mas hoje não sei o quê ou o que escrever!

quarta-feira, 19 de novembro de 2008

Leolo



Muito bom de Jean Claude Lauzon...

Porquês???!!!

Por que tenho a Impressão de já ter Visto um Lugar Onde Nunca Estive?

A sensação de 'déjá vu' pode acontecer com quase todosE tem origem biológica. O hipocampo - região do cérebro responsável peloProcessamento da memória - é ativado fora de hora, Exatamente quando está ocorrendo um fato novo, dandoA impressão de que aquilo já estava registrado,De que é um fato do passado. O evento é mais freqüente em pessoas com epilepsiaNo lobo temporal e isso, provavelmente, está Relacionado com' disparo 'anormal do hipocampo, um dosCentros cerebrais da memória', explica o psiquiatra Roberto Sassi.Mas isso não implica que pessoas que tenham 'déjá vu'Sofram de epilepsia.

quinta-feira, 13 de novembro de 2008

Riso dos Homens


Certo dia, ao regressar de lon-gínqua existência de papel, quis incendiar a camisa da criança que fora. mas, na comissura dos lábios ressuscitou a luminescente abelha de uma lágrima. comoveu--se, quando a criança, assustada, lhe perguntou:- em que idade do coração se apaga o riso dos homens? (Al Berto)

quinta-feira, 6 de novembro de 2008

terça-feira, 28 de outubro de 2008

segunda-feira, 27 de outubro de 2008

Dulce Estrella

Este Domindo foi passado em Cacéres... Um passeio de tarde pela cidade que mistura tantas influências, o antigo, as muralhas, com o novo, o urbano... Conhecemos todas as ruelas, já um bocado ressacados de não ter cidade grande perto de nós, absorvemos tudo aquilo que podiamos e o que não podiamos... Claro que tivemos o nosso pequeno momento de panico, porque a partir de uma certa hora não existem mais autocarros para se regressar até mérida, e por isso contavamos ficar em casa de uma menina chamada Amélia, que é una chica fantástica, que acaba de nos emprestar nada mais nada menos do que 54 filmes eheh, acontece que, quase durante o dia todo teve o telemóvel desligado, já estavamos apreparar a lábia para pedir boleia, até que ela nos atende o telemovel... Uff!!!! Às onze da noite começou o concerto que reune Estrella Morente e Dulce Pontes, e foi uma surpresa! Foi uma união maravilhosa de duas culturas, claro que por pouco não rebentavam os micros com apotência da voz, mas foi muito bonito ver como as duas se atreveram e se arriscaram por caminhos que não conhecem, A nossa Dulce pelo flamenco puro e a Estrella pelo Fado. Deram uma nova vida às canções, uma nova interpretração, um novo sentido... Um dos melhores momentos foi quando estrella cantou Maria de Buenos aires, com o seu cabelo solto e um vestido preto e tacões vermelhos, ali estava Maria de Buenos Aires... Bem em resumo foi arrepiante o concerto!!

Aqui fica um bocadinho... VOLVER


P.s: atenção ao promenor dos micros que quse explodem eh;)

sábado, 25 de outubro de 2008

Heavenly Creatures

Desculpa o apropriamento sem permisso more all of me mas fiquei muito curioso quero ver...

sexta-feira, 24 de outubro de 2008

Original

Aqui está a versão original:) Lindo:):):)



E já agora Gravity´s Rainbow

Clã em Mérida

É verdade e de repente fomos surpreendidos com música portuguesa em Mérida! Os Clã trouxeram toda a sua energia às gentes espanholas e a nós também lá no meio de sorriso na cara e a explodir de energia com a música. Ninguém segura a Manuela azevedo que ainda por cima agora pode abanar os seus cabelos longos ao ritmo alucinante das explosões do seu corpo mostrando-nos o seu lado de Femme Fatale que veste dos pés á cabeça. Foi uma hora e meia de sorriso na cara e de boa disposição a ouvir nuestros portugueses a sairem-se bem em terras de espanha! Adoramos:) Há até que de repente nos surpreenderam com uma versão muito linda da música Golden Skans dos Klaxons:)
Depois, e como andamos um pokito cansados fomos até ao Irish beber um bom chocolate caliente;)

Aqui está;)
P.s: A versão do concerto foi mais mexida eheh....

quarta-feira, 22 de outubro de 2008

Coisas lindas

É tão bom quando podemos ver coisas lindas...





Gogol Bordello - start wearing purple


Adoro ver coisas lindas adoro!!!

sexta-feira, 17 de outubro de 2008

Jeff Koons
















A solene arquitectura interior de Versalles acolhe nestes dias 16 esculturas de grande tamanho de Jeff Koons o artista mais caro do mundo...

Richard Swift

Knee-hight boogie blues


Beautifullheart


Há alegria e liberdade no acto criativo. A minha mentalidade é acordar e fazer...

The Ruby Suns - Criterion



babababa ba ba eheh gostei:)

Arqui-Pé-Lago



Esta é daquelas histórias inconcebíveis. Pedir uma torrada com manteiga aqui neste sítio cria uma complicação desproporcionada. A conversa foi algo do género:

eu: Ei! Pode preparar uma torrada com manteiga e um leite chocolatado?
balcão: Sim, um leite chocolatado. E… uma torrada com manteiga?
e: Sim, exactamente.
b: Mas como assim, torrada com manteiga? Quer estas sanduíches torradas e ainda com manteiga?
e: Não, é só pegar no pão, torrar e barrar manteiga.
b: Estou a ver, quer dizer que destas sanduíches podemos tirar tudo de dentro e torrar?
e: Só se não tiverem mais pão, porque escusavam de estragar a sanduíche. Só é preciso um pão sem nada e manteiga. Não é assim tão complicado.
b: Ok. Um pão torrado com manteiga… e não quer tomate ou outra coisa com o pão?
e: Ahahah! Não senhora, só pão e manteiga.
b: ?!?! Ok, vamos ter de fazer as contas outra vez…
(depois de 2 minutos a fazer contas e a conversar com dois outros funcionários)
b: Este pão serve?
e: Está perfeito, ponha a torrar!

Ou seja, pedir uma torrada com manteiga na Suécia é coisa para 10 minutos no mínimo.

Um espelho para alice


Vale a pena dar uma vista de olhos:)

http://www.costumecostumes.blogspot.com/

segunda-feira, 29 de setembro de 2008

LA ANTENA

A thousand years of good prayers

This sporting life

Garage


Estes são os próximos filmes que vão preencher as nossas noites de quinta feira na filmoteca de Mérida por apenas 50 centimos... ADORAMOS!

Cine Mérida II



Joe Strummer: The Future is unwriten...

sábado, 27 de setembro de 2008

True story - Milk


Academy Award nominee Gus Van Sant directs Academy Award winner Sean Penn as gay-rights icon Harvey Milk. Mr. Milk (1930-1978) was an activist and politician, and the first openly gay man to be elected to public office in America; in 1977, he was voted to the city supervisors' board of San Francisco. The following year, both he and the city's mayor George Moscone were shot to death by another city supervisor, Dan White. Mr. Milk was previously the subject of the Academy Award-winning documentary feature "The Times of Harvey Milk," but "Milk" is the first non-documentary feature to explore the man's life and career.
Quero muito ver...

sexta-feira, 26 de setembro de 2008

Chaplin in pictures




A terceira edição do festival de cinema digital Lisbon Village Festival traz Chaplin in Pictures, uma exposição inédita em Portugal sobre o actor Charlie Chaplin. Chaplin in Pictures tem por base o arquivo da família do actor e está patente no Palácio Pombal de 4 de Setembro a 4 de Outubro, em Lisboa.

Links:
- Site oficial da exposição
- Lisbon Village Festival

Ciné Mérida

Buda explotó por vergüenza


Alguns dias atrás encontramos um cinema que passa filmes independentes em Mérida apenas por 50 centimos com cartão de estudante. A programação não é alargada, mas ontem fomos surpreendidos por este conto, esta história de uma menina que luta com todas as suas forças de uma ingenuidade, que já muito poucos de nós conhecemos, para comprar um caderno e poder ir à escola aprender histórias bonitas. Não gosta de brincar às guerras, e muito menos do jogo do apredejamento, ela só quer conseguir seguir o caminho do sol e chegar à escola, no fim descobre que só morrendo na brincadeira da guerra terá salvação. É um filme inquietante desde o inicio até ao fim, é um filme importante, porque apesar de ser uma realidade muito longe da nossa, onde se torna dificil para nós "julgar" o que é bom ou mau numa cultura já tão enraizada, torna-se para nós importante como choque de culturas, como alerta para o que existe no mundo, e se calhar não tão longe como pensamos...

Cari de Mérida

Finalmente chegou-nos a casa a internet, e assim podemos deixar de lado a nossa performance informática, onde quatro computadores se sentavam de tarde nos bancos de um Jazz Club... Finalmente chegamos! Mérida acolheu-nos muito bem.... Mas de repente demo-nos conta de um promenor muito importante...!!!!!! LA SIESTA!!!!!!!!!! ahhhhhhhhh
Que fazer? A pequenina cidade feita de playmobil pára, nada funciona das duas da tarde às cinco e meia, ficamos loucos, é dificil combater uma "regra" cultural tão forte... Apesar de não nos rendermos aos lencois durante a siesta, começamos a aceita-la, e começamos a fazer as nossas coisas, que vão começar a aparecer por aqui:) Com os TAPTC teatro começamos também a trabalhar, em cinco dias todos fizemos nascer um espectáculo. Hasta luego...

quarta-feira, 10 de setembro de 2008

News

Mais Spain news amanhã eheh....


heart beating


O coração bate... O sono não quer vir... Amanhã partimos para Mérida... Vai ser uma aventura fantástica durante cinco meses... estou ansioso...

quarta-feira, 3 de setembro de 2008

Maria joins Beethoven


Maria João Pires é a mais conceituada pianista portuguesa, reconhecida e admirada em todo o mundo. Neste primeiro concerto enquanto Artista Associada do CCB para a nova temporada, a pianista preparou um serão musical com a melhor companhia para incluir no projecto Beethoven 2008. O compositor é único, mas o programa é diversificado: peças para piano solo, outras para piano e violoncelo, onde Maria João Pires se fará acompanhar pelo virtuoso Pavel Gomziakov e, finalmente, algumas das canções que o compositor de Bona escreveu, interpretadas por Rufus Müller, um dos tenores mais aclamados do mundo, que frequentemente acompanha Maria João Pires.
MARIA JOÃO PIRES piano
PAVEL GOMZIAKOV violoncelo
RUFUS MÜLLER tenor

Quem sabe?

O segredo do couzcuz


La vie ne pas en Rose but in the end who knows?

sexta-feira, 22 de agosto de 2008

P.S: Está quase Mérida


Plano de la ciudad de Mérida cedido por JA Carvajal
1.- Teatro romano, Anfiteatro y casa del Anfiteatro
11.- Columbarios
2.- Arco de Trajano
12.- Circo
3.- Templo de Diana
13.- Colección Arte Visigodo
4.- Alcazaba
14.- Puente río Albarregas
5.- Casa Mitreo
15.- Foro municipal
6.- Puente río Guadiana
16.- Embalse de Proserpina
7.- Acueducto de los Milagros
17.- Embalse de Cornalvo. Parque natural de Cornalvo
8.- Acueducto de San Lázaro. Acueducto S. XVI
18.- Termas de Alange
9.- Yacimiento de Morerias. Muralla
19.- Museo Nacional de Arte romano
10.- Basílica de Santa Eulalia. Templo de Marte. Centro de Interpretación
20.- Xenodochium (Hospital de peregrinos de época visigoda)

quinta-feira, 21 de agosto de 2008

terça-feira, 12 de agosto de 2008

terça-feira, 5 de agosto de 2008

I'm in a backless dress on a pastel ward that's shining

Goldfrapp - A&E



Voltaram com os seres das florestas e ainda bem:) É um óptimo acompanhante para as férias do verão...

quinta-feira, 31 de julho de 2008

Chris Gilmore/Miss Julia







MISS JULIA é uma artista e designer gráfica de marselha que passou vários anos a explorar as diferentes possibilidades oferecidas pelo cartão. Utilizando este material leve e facilmente moldável, ela está empenhada em produzir itens originais que são fiéis às exigências das estéticas e funcionalidade. A designer não hesita em misturar disciplinas (Design, artes gráficas, seda, rastreio) nos seus diversos projectos, que se assumem como obkectos experimentais.
CHRIS GILMORE cria esculturas totalmente produzidas com cartão e em tamanho real, com temáticas que variam entre os automóveis , as motocicletas, bicicletas, cadeiras de rodas e violões. As obras deste autor revelam uma excepcional minúcia e perfeição.

Pensamentos

"- Pensam que estou zangado por eles dizerem disparates, laborarem em erro? Mentira! Até gosto que eles disparatem, que laborem em erro! Enganarmo-nos é o único privilégio humano frente a todos os outro organismos! Quem erra, chega à verdade! Sou ser humano precisamente porque erro. Ainda ninguém chegou a uma verdade qualquer sem antes se ter enganado quatorze vezes, ou talvez cento e catorze, e isso é um mérito, neste sentido. Mas não, nem sequer sabemos errar por nossa própria cabeça! Diz-me um disparate, mas à tua maneira, aí dou-te um beijo! Um disparate nosso, à nossa maneira, é quase melhor do que uma verdade alheia; no primeiro caso, somos seres humanos, no segundo somos pássaros! Não é a verdade que foge de nós, mas é muito mais fácil dar cabo daquilo que é realmente vida: há exemplos disso. O que somos nós agora? Todos nós sem exclusão, em termos de ciência, de desenvolvimento, de pensamento, de descobertas, de ideias, de desejos, de liberalismo, de razão, de experiência, de tudo, tudo, tudo, tudo, andamos ainda no primeiro ano do liceu! Tomámos o gosto de nos satisfazermos com as ideias alheias, ganhámos esse hábito! Não é verdade? Não é verdade o que estou a dizer?"


Fiodor Dostoiévski em, Crime e castigo...

sexta-feira, 25 de julho de 2008

In-1


Juliette Binoche & Akram

O que não dariamos para poder ver Binoche em "In-1", um espectáculo de teatro/dança que concebeu com o coreógrafo britânico Akram Khan, com cenografia do artista plástico Anish Kapoor. Europa está nos planos da tounée mundial, esperemos que se lembrem de nós! Para quem puder estar interessado, a estreia é dia 18 de Setembro, no National Theatre em London Town.

quinta-feira, 17 de julho de 2008

Ursula´s song

É a minha vilã preferida eheh:) adoro-a!

Movies movies movies

Mio fratello è figlio unico



Vigilância

Words by Woody



"A minha próxima vida" by Woody Allen

Na minha próxima vida quero vivê-la de trás para a frente. Começar morto para despachar logo esse assunto. Depois acordar num lar de idosos e sentir-me melhor a cada dia que passa. Ser expulso porque estou demasiado saudável, ir receber a pensão e começar a trabalhar, receber logo um relógio de ouro no primeiro dia. Trabalhar 40 anos até ser novo o suficiente para gozar a reforma. Divertir-me, embebedar-me e ser de uma forma geral promíscuo, e depois estar pronto para o liceu. Em seguida a primária, fica-se criança e brinca-se. Não temos responsabilidades e ficamos um bébé até nascermos. Por fim, passamos 9 meses a flutuar num spa de luxo com aquecimento central, serviço de quartos à descrição e um quarto maior de dia para dia e depois Voila! Acaba como um orgasmo! I rest my case.

quarta-feira, 16 de julho de 2008

Um final e um novo começo

OUTROS PERIGOS!



Foi maravilhoso! E agora procuramos outros perigos em terras de espanha, mas estes já ficam no coração:) é bom quando é assim!

Tricky Knowle West Boy

Ele voltou, voltou mesmo:)
Council estate

Tricky Live Jools Holland Puppy Toy

PJ Harvey & Tricky - E há dez anos houve este momento...


Knowle West Boy is the album that sums up everything that Tricky has accomplished since his 1995 Maxinquaye debut. From the sardonic bar-room blues of Puppy Toy to the haunting quasi-classicism of Joseph; from the twisted Specials-worshipping punk of Council Estate to the bereft torchery of Past Mistake; from the Roxy Music’s The Bogus Man-at-the-dancehall art-stomp of Bacative to the poignant autobiographical tale of teen pregnancy that is School Gates, Knowle West Boy sees our misunderstood hero reaching into the post-punk, Two-Tone, reggae, hip hop and pure pop he grew up adoring, twisting it all into surreal Tricky shapes using his astonishingly accomplished band and a host of great undiscovered singers, and ending up with the most varied and accessible set of his career.

quarta-feira, 2 de julho de 2008

Saudades

Tenho saudades... Tenho saudades do silêncio, tenho saudades de ter tempo, tenho saudades de poder desçer a rua até à Fnac com calma e com mp3 nos ouvidos com todo o tempo do mundo, tenho saudades de poder rir com os amigos mais de cinco minutos, tenho saudades de praia, tenho saudades de não me sentir cansado, tenho saudades de ter tempo para fazer a barba, tenho saudades de ler, tenho saudades da familia, tenho saudades de escrever, tenho saudades de ter tempo para ouvir mais do que uma música, tenho saudades do blog............................ tenho saudades de tudo, Ponto!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!!

Outros Perigos!

Já está quase, apareçam!!!!

sábado, 14 de junho de 2008

Desertos Carlos J.pessoa




Espectador - Oh jovens mentes, oh mentes do mundo, oh Europa, que engenhos do progresso nos alienaram da opinião? Nós, cada vez mais mudos, cada vez mais surdos, cada vez menos comunitários; oh jovens almas digitais, computando, computando, computando, sinto o toque dos vossos dedos no teclado da ausência; oh Europa, oh deserto.


De Carlos J. Pessoa (Desertos, Pentateuco, manual de sobrevivência para o ano 2000)


Betty Boop

Adoro-a!



quarta-feira, 4 de junho de 2008

Video - Clip

"Um video-clip é um número musical acompanhado de imagens que suportam, interpretam, exemplificam ou contradizem esse mesmo número, socorendo-se para isso de caracteristicas, mais ou menos comuns, a todos os video-clips: o ritmo descontínuo e fragmentado das imagens (clip significa corte): a coexistência de diferentes planos temporais e de acção: a repetição de um leit-motiv: a urgência de uma mensagem iconográfica e sonora e de uma paisagem emocional que, embora ambíguas ou não directas, se apresentam e experienciam num curto espaço de tempo, num instante ou momento. São estas ideias que conferem uma unidade formal e conceptual aos diferentes clips de teatro-clip (peça com encenação de Carlos J. Pessoas) que, não obstante serem suficientemente autónomos entre si, apresentam, no entanto, um nexo comum, isto é, todos eles se constituem, de algum modo, como histórias de amor."

David Antunes, Dramaturgo.

Bjork Wanderlust


Antony and the Johnsons-You Are My Sister

Parcur




Estou fascinado, já estou em treinos ehe...

terça-feira, 3 de junho de 2008